quinta-feira

MEUS BEIJOS

Meus beijos escassos



Perdoe os meus beijos escassos
Os fracos e frouxos abraços
E minha ausência constante.
Ah! esta alma gritante.
Com a lua navegante
Refletindo sua luz
É a noite longa.
A madrugada fria
Esperando o raiar do dia
E o calor, calor do sol.


São Paulo, 03/09/09